paper-planeman-inspecting-enginearrow-signsinfocheckboxcarchevron-upchevron-downchevron-leftchevron-rightcenterphoneclockmap-markerround-button-fbround-button-ytstylized-mapcomic-balloonround-chevron-leftround-chevron-rightman-on-wheelcar-distance-markerman-inspecting-carman-seat-belt-airbagcar-hood-check-frontcalendarpinsearch
Pressão pneus

A pressão dos pneus é um factor determinante para a sua segurança pois é o primeiro elemento de contacto entre o veículo e o solo. Torna-se, assim, essencial que verifique regularmente a pressão de ar nos pneus, por razões de performance (comportamento em estrada, motricidade, sistema de travagem...) e sobretudo por razões de segurança rodoviária.

Não deverá apenas ter em atenção uma pressão dos pneus insuficiente, que normalmente é mais visível, mas também uma pressão excessiva. Pois se uma pressão de -20% representa um desgaste prematuro, uma pressão de +25%, ou uma pressão excessiva, significa que apenas a banda de rolamento está em contacto com o solo, provocando uma diminuição na aderência, na performance de travagem e, consequentemente, um desgaste irregular. 

Com uma pressão dos pneus correcta:

  • Irá circular em maior segurança;
  • Os seus pneus terão uma maior durabilidade;
  • Irá poupar combustível  
  • Contribuirá para um melhor meio ambiente.

QUAL A PRESSÃO DOS PNEUS MAIS CORRECTA?

Para saber qual a pressão ideal dos pneus deverá sempre consultar o manual do construtor/fabricante, pois cada veículo tem uma pressão específica consoante a sua dimensão, peso e velocidade.

Deve assim conhecer qual a pressão dos pneus indicada para a sua viatura de forma a verificar o nível de enchimento pelo menos uma vez por mês, antes de uma grande viagem ou quando tiver que transportar uma grande carga. Os pneus perdem ar naturalmente, cerca de 0,1 BAR por mês.

Como controlar a pressão de ar nos pneus?

  • Utilize equipamentos homologados para a verificação da pressão ideal dos pneus;
  • Controle a pressão de ar pneus com os pneus frios (com menos de 4 km percorridos ou após descanso);
  • Mesmo que tenha feito um enchimento dos seus pneus com Azoto/Nitrogénio deverá adicionalmente proceder a um controlo frequente da pressão dos pneus e do seu estado de conservação.

Principais consequências de circular com a pressão de ar dos pneus incorrecta:

  • Condução menos precisa e menos estável que poderá por em causa a sua segurança;
  • Os pneus terão um desgaste prematuro ou irregular;
  • Consumirá mais combustível.

Atenção: Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar os nossos serviços, concorda com a nossa utilização de cookies. Saber mais