Carros hibridos vantagens e desvantagens

Para muitos, o conceito de carro híbrido ainda não está muito definido nem claro, para outros, ainda é uma ‘coisa do futuro’. Mas enganam-se, pois, os carros híbridos já fazem parte do nosso dia-a-dia, e existem cada vez mais marcas a apostar neste modelo, uma vez que vieram colmatar uma falha no mercado automóvel, onde apenas existiam soluções de veículos convencionais, movidos através de combustíveis fósseis e os totalmente elétricos.

Existem diversos fatores a ponderar na compra de um automóvel. Os carros híbridos têm preços de compra mais elevados, mas que podem ser compensados pelos incentivos fiscais e pela economia nos consumos. Apesar de exigirem um maior esforço de manutenção, assumem baixas emissões de CO2. Se está a pensar comprar um carro híbrido, conheça as principais vantagens e desvantagens antes de tomar a sua decisão.

 

O que são afinal carros híbridos?

 

Então, mas no que consiste um carro híbrido?

Um veículo híbrido, é constituído por dois tipos de energia diferentes. No entanto, nos dias de hoje, os modelos mais comuns, combinam um motor de combustão (gasolina) e um motor elétrico.

O objetivo deste modelo é tirar o máximo partido da função destes dois motores. Desta forma, os regimes mais baixos do motor são melhorados e a energia resultante das travagens é aproveitada. Por isso, o motor a gasolina não precisa de ser de grandes dimensões, logo, é possível reduzir os consumos e emissões de CO2.

 

Carros híbridos: vantagens

 

  1. Baixo consumo: O híbrido é bastante competitivo relativamente aos consumos, principalmente quando comparado com um veículo normal que funciona a combustível. Isto acontece, pois, o motor de combustão é utilizado com moderação, acabando por resultar numa poupança dos consumos.
  2. 2 Motores: O facto de os veículos híbridos apresentarem dois motores é bastante favorável para o condutor, pois permite uma maior poupança ao nível do consumo e transmite mais segurança, uma vez que a maioria destes modelos apresentam tração integral, bastante útil em condições onde o piso está molhado e a aderência pode ser mais reduzida.
  3. Potência: Quando é necessária mais potência na condução, o carro híbrido tira partido do seu poderoso motor de combustão e do facto de ser constituído por um ou mais motores elétricos. Por norma, esta junção consegue atingir motorizações com uma potência combinada superior a 200 cavalos.
  4. Boa performance: Ao contrário do que acontece nos motores a turbo, o motor elétrico do híbrido, permite uma entrega instantânea e linear da potência, isto é, a aceleração é imediata e, por isso, o motor a combustão não precisa de fazer um esforço tão grande.
  5. Emissões CO2: Os híbridos ajudam a reduzir o impacto no meio ambiente, pois poluem menos que os veículos tradicionais, já que são conhecidos pelas suas baixas emissões de CO2.
  6. Benefícios fiscais: Uma vez que este modelo é mais amigo do ambiente e emite menos gases poluentes, em relação aos carros que funcionam apenas com motor a combustão, o valor do IUC é mais baixo. Para além disso, se comprar um carro híbrido novo, beneficia de uma redução de 563€ no ISV. 
  7. Autossustentabilidade: Nos veículos híbridos, as baterias elétricas são recarregadas quando são ligadas à corrente ou através da energia proveniente da travagem.

 

Carros híbridos: desvantagens

 

  1. Preço: O preço é, sem dúvida, a principal desvantagem de um veículo híbrido, apesar dos incentivos e apoios fiscais. Os motivos por estes veículos apresentarem um custo tão elevado, prende-se com o valor despendido na construção das baterias e também por apresentarem motorizações a gasolina bastante potentes.
  2. Manutenção: Como já foi referido, nos carros híbridos, os motores a combustão não fazem um esforço tão grande, como nos veículos tradicionais. No entanto, ao acrescentar novos componentes, também são adicionados mais custos ao nível da manutenção, principalmente nas baterias, onde a manutenção ou substituição tem um custo bastante elevado.  
  3. Autonomia bateria: Se compararmos com um veículo a combustível, o tipo de bateria utilizado nos carros híbridos exige mais carregamentos de energia. Estas também não são reutilizáveis e, por isso, é necessário comprar novas baterias, provocando danos ambientais na altura da troca.

 

Antes de comprar um automóvel, considere a opção de um carro híbrido e pese todos os prós e contras, quer seja a nível financeiro ou ambiental. É preciso ter em conta que, apesar de o investimento inicial ser elevado, os carros híbridos têm benefícios fiscais, e a sua compra pode compensar, se existir um uso intensivo do carro.

Relacionados

  • Viagem de Carro

    Vai fazer uma viagem de carro? Saiba como tornar a sua viagem mais segura e confortável. Descubra as melhores dicas para viajar de carro com a Controlauto.

    Saiba mais
  • Vantagens em Ter um Carro a GPL

    Conhece o Gás Petrolífero Liquefeito, o combustível automóvel mais barato e amigo do ambiente? Mais conhecido por GPL, um composto de gases de hidrocarboneto, que é uma alternativa à gasolina ou ao gasóleo

    Saiba mais